05/nov 2011

O que eu achei de Contágio [Crítica XIX]

Desde a primeira vez em que ouvi falar de Contágio, comecei a contar nos dedos as horas antes de pover finalmente vê-lo. Pudera! Além de ser um longa de Steven Soderbergh, o elenco é de longe o mais absurdamente estelar que eu já vi em um só filme: Matt Damon, Gwyneth Paltrow, Kate Winslet, Marion Cotillard, Jude Law e Laurence Fishburne. O lado bom é que todo mundo encontra um ídolo seu em Contágio. O ruim é que, com tanta gente em cena e tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo, nenhum personagem é devidamente desenvolvido.

Contágio

Contágio começa com Beth Emohff (Gwyneth) tossindo em um cassino em Chicago, o que indica que ela é a primeira paciente infectada com um novo e mortífero vírus, que rapidamente começa a matar pessoas às centenas de milhares, configurando a maior epidemia mundial desde a gripe espanhola. Qualquer pessoa que tenha um mínimo de mania de limpeza vai sair do cinema paranoico. E quem não tem, como eu, vai sair no mínimo com a pulga atrás da orelha e pensando bem antes de colocar a mão em qualquer lugar. Mérito de Soderbergh, que através de um recurso simples, mas eficiente, consegue mostrar o quanto é fácil disseminar uma doença. Além disso, o filme consegue dar a sensação de que nada ali é pura ficção, e que caso algo parecido acontecesse na vida real (o caso H1N1, citado no filme), os acontecimentos se dariam exatamente (ou quase) do jeito que vemos na tela.

O filme em certos momentos adquire tom quase documental, ao mostrar o espalhamento gradual da doença pelo mundo, os esforços dos cientistas do CDC na busca de uma cura e o pânico quase insano que rapidamente se instala na população. Tecnicamente, Contágio é um filme perfeito. A fotografia, feita pelo próprio Soderbergh (usando um pseudônimo), é eficaz. Se há um defeito técnico no longa, talvez seja a trilha sonora, por vezes muito óbvia, e até um pouco irritante.

Contágio

 Sobre o elenco, acho sinceramente que tivemos um disperdício no uso de tantos talentos. Como já falei, não é possível desenvolver apropriadamente cada um deles, e se ficamos tristes ou preocupados, não é com um personagem, mas com a Gwyneth, a Kate, o Matt. Gwyneth é a primeira a morrer no filme (não é spoiler, ela está morta com menos de 10 minutos de projeção), mas sua presença no longa é espertamente alongada por causa da importância da personagem, até a última cena (muito boa). Kate Winslet e Marion Cotillard deixam um gosto de “quero mais”, por razões (bem) distintas. Matt Damon não sem mostra muito útil para a trama. O ator que mais se destaca em Contágio é Jude Law, como o inescrupuloso jornalista-blogueiro que se aproveita do pânico que se instala para ganhar uns trocados. Usando uma prótese dentária, o personagem rapidamente se mostra um sujeito realmente detestável.

Contágio

Contágio pode não ser essa maravilha toda que estão dizendo por aí (eu, pelo menos, não achei), mas é um filme extremamente competente, daqueles que fazem pensar, e traz como fio principal o comportamento humano, a paranoia e aquilo de pior (mas o de melhor também) que emerge de cada pessoa em um momento de crise. É incrível como o filme gera tantos questionamentos e reflexões e, por mais que eu esperasse que fosse ser melhor, estou com uma vontade imensa de vê-lo novamente. Um longa acima da média, afinal.

Categoria: Cinema, Críticas

Tags: , , , , , ,

11/ago 2011

Veja trailer e pôsteres de Contágio

Imagine um filme que tenha no elenco Matt Damon, Jude Law, Kate Winslet, Gwyneth Paltrow, Marion Cottilard e Laurence Fishburne, e como se já não fosse bom demais, tivesse a direção de Steven Soderbergh (Onze Homens e Um Segredo, Traffic). Pois pode parar de sonhar. Esse filme é Contágio, que estreia no Brasil em 28 de outubro.

No longa, um vírus mortal surge, se espalha pelo ar e mata milhares de pessoas em poucos dias. Enquanto o mundo entra em pânico, os sortudos que sobreviveram tentar continuar vivos. Simplesmente awesome! Veja abaixo o trailer legendado do filme e os fantásticos pôsteres de divulgação individuais:

http://www.youtube.com/watch?v=tPRTvrh2V70

Contágio

Contágio

Contágio

Contágio

Contágio

Contágio

Categoria: Cinema, Trailers

Tags: , , , , , , ,

04/ago 2011

Saiu primeira imagem do novo Superman do cinema

É um pássaro? É um avião? Não, é Henry Cavill dando vida a mais um reboot de super-herói, dessa vez do azulão Superman. O filme só verá a luz dodia em 2013, mas já saiu a primeira imagem do protagonista de Man of Steel. Não dá pra ver muita coisa, mas já é o bastante para empolgar.

Man of Steel

O longa tem direção de Zack Snyder, e no elenco ainda tem Amy Adams, como Lois Lane, Laurence Fishburne, como Perry White, e Diane Lane e Kevin Costner como os pais de Clark Kent.

Categoria: Cinema

Tags: , , , , , , ,


Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons.
Fósforo. © 2011 www.fosforo.blog.br