21/jan 2012

E o piloto de Alcatraz?

Finalmente estreiou Alcatraz, a aguardadíssima série produzida por J. J. Abrams. Uma ilha, pessoas que desaparecem, flashbacks. Qualquer semelhança com Lost, sim, é mera coincidência. A verdade é que Alcatraz, de tudo o que Abrams e companhia produziram na TV desde Lost, parece ser a mais consistente e com potencial de estourar.

Alcatraz

Eu podia resumir a série pra você, mas a verdade é que já fiz isso, quando falei sobre a exibição do piloto na San Diego Comic-Con. Vamos lembrar?

No piloto, sabemos que em 1963 um misterioso evento causou o desaparecimento sem explicações de 302 prisioneiros e guardas de Alcatraz. No presente, um desses prisioneiros, Jack Sylvane (Jeffrey Pierce), reaparece, enviado de volta por alguma razão desconhecida, misteriosamente sem ter envelhecido um dia sequer, e parte para San Francisco, buscando vingança. É aí que entra Rebecca Madsen (Sarah Jones), uma jovem policial que vai investigar o caso junto a um expert em Alcatraz (Jorge Garcia, o Hurley deLost). Madsen tem alguma ligação pessoal com Alcatraz e, potencialmente, com os desaparecimentos. Ainda tem um misterioso agente federal, vivido por Sam Neill, que claramente sabe mais sobre os desaparecimentos de Alcatraz do que ele deixa transparecer.

A verdade é que o piloto é realmente muito bom. O mote da série é instigante e, a não ser que os roteiristas metam o pé na jaca (tipo o que fizeram com Heroes), tem muito potencial de repetir o hype de Lost (exagerado eu?). Aliás, impossível não comparar este piloto com o de Fringe, o que é um ótimo sinal, principalmente se Alcatraz for melhorando com o tempo, como aconteceu com a primeira.

Alcatraz

O elenco é bem competente. Sarah Jones tem aquele misto de curiosidade e determinação (e um pouco de confusão) que a gente bem conhece da Olivia de Fringe. Jorge Garcia serve como alívio cômico, e tenho certeza que a parceria de seu personagem, Diego, com Rebecca, vai ser bem bacana. E Sam Neill, nem preciso falar, o cara é fera, e o personagem dele é bem interessante, daqueles que não se sabe exatamente se é mocinho ou vilão.

Alcatraz pode não se mostrar uma série perfeita neste piloto, mas a verdade é que o primeiro episódio cumpre muito bem sua função, de apresentar uma boa história e, principalmente, aguçar a curiosidade para continuar assistindo. E isso é um ótimo sinal, e aparentemente mais uma bola dentro de J. J. Abrams.

Categoria: Televisão

Tags: , , , ,

21/jul 2011

O que esperar do piloto de Alcatraz?

Foi exibido ontem na Comic-Con, para um grupo selecionado de sortudos, o primeiro episódio de Alcatraz, novo empreendimento de J.J. Abrams que estreia no fall season, em setembro. A série promete ser mais um grande sucesso, com as características que fizeram de Abrams o todo-poderoso da indústria cultural norte-americana: afinal a história tem como mote um grupo de pessoas desaparecidas e uma ilha cheia de mistérios. Já viu isso em algum lugar?

Alcatraz

A premissa foi criada por Abrams quando ele teve um insight baseado em uma questão simples: “Por que nunca existiu uma série chamada Alcatraz?”. A partir daí, ele desenvolveu uma série que ele próprio gostaria de assistir.

No piloto, sabemos que em 1963 um misterioso evento causou o desaparecimento sem explicações de 302 prisioneiros e guardas de Alcatraz. No presente, um desses prisioneiros, Jack Sylvane (Jeffrey Pierce), reaparece, enviado de volta por alguma razão desconhecida, misteriosamente sem ter envelhecido um dia sequer, e parte para San Francisco, buscando vingança. É aí que entra Rebecca Madsen (Sarah Jones), uma jovem policial que vai investigar o caso junto a um expert em Alcatraz (Jorge Garcia, o Hurley de Lost). Madsen tem alguma ligação pessoal com Alcatraz e, potencialmente, com os desaparecimentos. Ainda tem um misterioso agente federal, vivido por Sam Neill, que claramente sabe mais sobre os desaparecimentos de Alcatraz do que ele deixa transparecer.

Alcatraz

Quem viu o piloto comparou a série a Lost e Fringe (ambas de J.J.), inclusive com a protagonista tendo toda uma vibe Olivia Dunham. Jorge Garcia, apesar de ter um personagem bem diferente do Hurley, continua com aquele ar amável e nerd. O primeiro episódio, assim como Lost, tem flashbacks de Sylvane na época em que esteve preso.

A impressão que ficou deste primeiro episódio é que há muito potencial de histórias a serem desenvolvidas, bons mistérios a serem revelados e um elenco afiado para acompanhar semanalmente.

Categoria: Televisão

Tags: , , , , ,

27/mai 2011

As cinco séries mais esperadas da temporada 2011/2012

Como ocorre todos os anos, essa semana os principais canais de TV americanos apresentaram suas programações para a próxima temporada, que começa por lá em setembro. É hora de conhecer as séries que ganham um novo ano de vida, aquelas que são canceladas e, principalmente, conhecer as novas atrações que podem ser os grandes hits da temporada. Esse ano a safra de novos seriados está recheada de boas sinopses e nomes mais que especiais envolvidos. Escolhi as cinco novas séries mais esperadas para a temporada 2011/2012, pelo menos para mim. Tem títulos para fã de seriado nenhum botar defeito.

 

Person of Interest

Person of Interest
Canal: CBS
Sobre: um ex-agente da CIA dado como morto (Jim Caviezel) que se une a um misterioso bilinário (Michael Emerson, de Lost) para evitar crimes violentos antes que eles aconteçam.
Porque pode ser bom: A volta de Ben Linus à TV, como um bilionário misterioso que prevê crimes antes que eles aconteçam já valeria dar uma chance a essa série. Mas além disso temos o midas atual do entretenimento, J. J. Abrams, na produção, além de Jonathan Nolan, irmão do Christopher e roteirista de Amnésia.

PERSON OF INTEREST Preview Trailer

 

Pan Am

Pan Am
Canal: ABC
Sobre: A série se passa nos anos 60, e explora todo o luxo que era voar de avião na época, em que os pilotos eram como rock stars e as aeromoças as mulheres mais desejadas (e invejadas). Pan Am é a mais luxuosa companhia aérea de sua época. A ABC descreve Pan Am como uma mistura de Mad Men com Grey’s Anatomy.
Porque pode ser bom: O trailer é uma delícia, o clima da série parece perfeito e, cá entre nós, ter Christina Ricci como protagonista de um seriado como esse deixa tudo mais interessante.

Pan Am – Trailer

 

Alcatraz

Alcatraz (estreia no midseason 2012)
Canal: Fox
Sobre: A mais famosa prisão dos EUA guarda segredos inimagináveis. É o que a detetive Rebecca Madson (Sarah Jones) vai descobrir quando um antigo prisioneiro de Alcatraz, supostamente morto, reaparece, sem ter envelhecido um dia sequer. E parece que ele não é o único. Ela vai contar com a ajuda de um especialista na história de Alcatraz (Jorge Garcia, de Lost) e um agente do FBI (Sam Neil).
Porque pode ser bom: Outra série sob a batuta de J. J. Abrams (sério, esse cara nunca descansa?), na área que ele mais entende: mistério e uma ilha no meio do nada. O elenco também chama a atenção.

Pan Am – Trailer

 

The New Girl

The New Girl
Canal: Fox
Sobre: Jessica Day (Zooey Deschanel), uma garota que, após terminar um longo relacionamento, passa a dividir um apartamento com três rapazes solteiros. O fio condutor da série é o conflito gerado pela convivência da garota com os colegas.
Porque pode ser bom: A premissa da série pode ser meio bobinha, mas achei o trailer engraçado. E qualquer projeto com a fofa da Zooey Deschanel merece nossa atenção.

Pan Am – Trailer

 

Smash

Smash
Canal: NBC
Sobre: Drama musical sobre um grupo de pessoas tentando montar um espetáculo na Broadway baseado na vida de Marilyn Monroe.
Porque pode ser bom: Depois de Glee, os musicais estão em alta, mas Smash parece ser arrebatador. Assistindo ao promo de 5 minutos divulgado, é impossível não ficar ansioso por essa série que estreia no midseason. O elenco é estelar: tem Debra Messing (a Grace do Will), Anjelica Huston, e o debut de Katharine McPhee, uma das mais belas vozes que já passaram pelo American Idol. Assista e entenda:

Pan Am – Trailer

 

Bonus I – Terra Nova
Já falei sobre as expectativas em cima de Terra Nova. A única preocupação é sobre os altos custos da série, o que pode impedir uma vida longa ao programa.

Bonus II – Touch
Touch é um drama sobrenatural que fala sobre a conexão que pessoas que nem se conhecem têm entre si, e como suas vidas se alteram. O único que tem consciência disso é um garoto autista e mudo, cujo pai será vivido por Kiefer Sutherland, o eterno Jack Bauer. A série é uma produção de Tim Kring (Heroes), estreia no midseason 2012, e ainda não teve o piloto gravado.

Categoria: Listas, Televisão

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons.
Fósforo. © 2011 www.fosforo.blog.br