23/dez 2011

Dois filmes que eu NÃO VI em 2011

Estou acostumado a falar aqui sobre os filmes que assisti, mas não é tão comum eu falar sobre filmes que não vi. Pois é! Com as maravilhas da internet a gente fica conhecendo uma porção de coisas às quais nem sempre temos acesso, mesmo que a própria internet na maioria das vezes dê uma forcinha. Nesse ano, eu vi vários filmes que nunca teria interesse de ver e que nem estariam disponíveis não fosse a rede, mas também conheci filmes que quis muito assistir, mas simplesmente não tive como, seja por falta de acesso ou por simples preguiça.

WeekendO filme Weekend, por exemplo, é um que eu cacei o ano todo e não consegui achar em lugar nenhum. O longa independente de Andrew Haigh não chegou a ter distribuição comercial massiva, mas foi exibido em diversos festivais durante o ano, onde foi ganhando fama e cultuado por quem o assistiu. A história é de dois homens (Tom Cullen e Chris New), que se conhecem em uma balada de sexta à noite, e decidem ir para o apartamento de um deles, onde vivem um fim de semana de bebidas, drogas, sexo, mas também conversas e reflexões. O diretor quis criar um filme que tratasse a homossexualidade de forma mais natural, menos esteriotipada. E parece que deu certo. Weekend foi aclamado em todos os festivais em que foi exibido, e por isso mesmo despertou minha curiosidade. Mas, infelizmente, o longa não chegou ao Brasil, e nem há previsão de que chegue.

Já no caso de Medianeras – Buenos Aires na Era do Amor Digital, posso dizer que eu marquei bobeira. O filme chegou a ser exibido aqui em Juiz de Fora por duas semanas, mas por preguiça e desconhecimento, não fui vê-lo. Só depois que saiu de cartaz fui procurar saber mais sobre o longa que a Juliana tanto me falou sobre, e fiquei com uma vontade incontrolável de assistir. A história do filme dirigido por Gustavo Taretto é de dois jovens, Martín (Javier Drolas) e Mariana (Pilar López de Ayala), vizinhos, mas que nunca se viram, que acabam desenvolvendo uma relação via internet. É uma história sobre relacionamentos modernos, sobre solidão mas, acima de tudo, sobre pessoas. No caso de Medianeras, há uma esperança maior de que eu venha a vê-lo, já que entrei em contato com a distribuidora responsável pelo filme no Brasil, e fui informado que ele será lançado em DVD no dia 8 de março do ano que vem.

Medianeras

Se você viu esses filmes e quiser me contar o que achou, fique à vontade (mas sem spoilers, viu?). Se você quer, tanto quanto eu, vê-los também, ou outro filme que você correu atrás mas não achou, me conta também!

Categoria: Cinema

Tags: ,

1 comentários




Veja nossa política de comentários

  • Mylena M. disse:

    Queria muito assistir à Medianeras, mas não consegui pegá-lo no cinema… não existe pra alugar ou comprar, e também não consigo baixar ): é uma conspiração, rsrs

    [Reply]

    24 de dezembro de 2011 às 1:22

Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons.
Fósforo. © 2011 www.fosforo.blog.br